Se um trader acredita que comprar e realizar trades longos fará com que a taxa de valorização de uma criptomoeda suba, esta percepção é chamada de “bullish”. Quando um trader fala “eu sou um “bullish no BTC”, esta pessoa acredita que a taxa continuará subindo. Ser bullish ou ser um bull (touro) pode significar tanto uma crença quanto uma ação por parte de um trader. A pessoa poder ter crenças bullish, mas na verdade prefere vender os ativos (fazer trades curtos) que acreditam ser mais inclinados para o mercado bullish, dependendo da realidade do mercado e suas circunstâncias.


Os termos “bull” ou “bullish” se originam do touro, que golpeia violentamente com seu chifre, numa analogia de jogar as taxas nas alturas. Os termos “bullish”, “bull” e “long” são sempre usados de maneira correlativa. Um comerciante de criptomoedas pode dizer “eu sou um trader de mercado longo” ou “eu sou um touro (bull)”. 


Ser um bearish é o oposto do bullish, tanto na ação quanto na crença. Este tipo de trader acredita que o preço de um ativo digital irá cair. No momento de tomar decisões no seu mercado, um bearish pode ou não se deixar influenciar pelas suas percepções. Se ele se deixa influenciar, venderá seus ativos cripto por conta própria, por exemplo, através do trade curto.  

 

Os termos “bear” ou “bearish” se originam do urso, que quando ataca, usa a sua patada esmagadora, numa analogia com a queda das taxas. Os termos “Bearish”, “bear” e “short” são sempre usados de maneira correlativa. Um comerciante de criptomoedas pode dizer “eu sou um trader de mercado curto” ou “eu sou um urso (bear)”.

 Trades Bearish ou Bullish (longo e curto) devem ser realizados apenas em base a estratégias já testadas e comprovadas anteriormente.